"Uma sociedade que não dá esperanças aos jovens não pode alcançar a sustentabilidade nem sequer construir uma cultura de direitos humanos. O esforço para garantir um nível de proteção social deve ter em mente esta verdade."

(Fragmento da proposta de paz de 2013, Compaixão, sabedoria e coragem para a humanidade viver em paz, do presidente da SGI Daisaku Ikeda)
Daisaku Ikeda, presidente da Soka Gakkai Internacional

Solidariedade. Este é o princípio norteador da presente proposta de paz do dr.Ikeda para 2013. O filósofo e poeta faz um apelo ao planeta para que construamos uma fortaleza de solidariedade que ultrapasse todas as diferenças étnico-ideológico-culturais, que nos vejamos simplesmente como membros da mesma família HUMANA.

É sua 30ª proposta de paz. Desde 1983, o presidente da SGI anualmente vem refletindo sobre as questões mais cruciais da atualidade, como a instabilidade social e financeira, o iminente perigo das armas nucleares e os conflitos pontuais como as que ainda afligem sociedades milenares no Oriente Médio.

Um possível caminho para a libertação é a construção diligente e abnegada de sólidos e indestrutíveis laços de amizade, não apenas entre nações, mas partindo de cada indivíduo – um a um – imbuído da firme decisão de erradicar o mal a partir da raiz, refutando-o e disseminando sua proposição de reproduzir apenas o bem.

"Dei nesta proposta a minha visão e sugeri ações que considero vitais para a construção de uma sociedade mundial de paz e coexistência (...). A chave para a concretização destes objetivos reside, em última instância, na solidariedade entre os cidadãos comuns.".
Associação Brasil SGI

© Associação Brasil SGI - Todos os direitos reservados